voltar

Pesquise sobre nossas escolas, notícias, portais e páginas.
(apague o campo para eliminar a pesquisa.)

Programa Technovation Girls desafia jovens estudantes a criarem soluções utilizando tecnologia

Por Ítalo Marcos
- 10/03/2021 08:01:00
624 acessos imprimir

As inscrições podem ser feitas por alunos das rede pública de ensino de Sergipe até o dia 12 de março

 

A maior competição de tecnologia e empreendedorismo para meninas do mundo já está com as inscrições abertas. Até o dia 12 de março, as meninas estudantes da rede pública de ensino podem se inscrever no programa “Technovation Girls”, uma iniciativa da ONG Americana Technovation que tem como objetivo desafiar jovens mulheres a resolver um problema da comunidade delas utilizando a tecnologia. Podem participar meninas de 10 a 18 anos, das redes municipais e estadual, que durante quatro meses deverão desenvolver um aplicativo que solucione o problema previamente encontrado. 

 

O lançamento oficial do programa em Sergipe foi realizado na manhã desta quarta-feira, 3, através do canal do Youtube do Instituto Paramitas, parceiro executor do projeto no Brasil. O evento virtual foi conduzido por Alice Rodrigues, que foi embaixadora nacional do programa em 2017. Ela explicou que durante o período de quatro meses, as participantes terão uma jornada intensa de trabalhos e muito aprendizado. Nesse tempo, elas irão desenvolver o senso de colaboração, resolução de problemas e habilidades em liderança. “Apesar de ser uma competição, estamos mais interessados na jornada de aprendizagem dessas meninas. Nessa competição, mais do que o prêmio, a gente busca o desenvolvimento e a transformação dessas meninas”, disse.

 

O evento virtual contou ainda com a participação da diretora do Departamento de Educação da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (DED/Seduc), professora Ana Lúcia Lima, que disse estar orgulhosa por esse projeto voltado para o pioneirismo das estudantes. Ela ainda lembrou que a Seduc tem uma grande parceria com o Instituto Paramitas, duas instituições que auxiliaram bastante a Secretaria de Estado da Educação em 2020. “É muito importante essa possibilidade de ter aplicativos sendo criados por um grupo de meninas. Que bom que está vindo essa possibilidade de mostrar as nossas estudantes nas áreas de Ciências e Tecnologia. Sabemos que esses campos precisam desse olhar feminino. Precisamos mostrar que nossas estudantes meninas têm a capacidade de desenvolver aplicativos, de evoluírem e de terem um comportamento empreendedor, atuando na solução de problemas para a sociedade”, afirmou.

 

Technovation Girls

 

Durante a live de lançamento, a presidente do Instituto Paramitas, Cláudia Stippe, ressaltou que quando o instituto iniciou a parceria, “o primeiro desafio foi mudar um pouco a direção para a participação, também, das escolas públicas de Sergipe. Isso fez com que a competição crescesse ainda mais”.

 

Quem também participou do lançamento foi Paulo do Eirado, superintendente do Sebrae Sergipe. “Esse é um projeto que com certeza dá certo. É importante dar a oportunidade para todo esse potencial que está dentro das jovens, para que se revelem ao mundo. Muitas potencialidades poderão emergir dessa competição, e essa iniciativa não poderia ter parceiro melhor do que a Seduc, que vem fazendo um excelente trabalho com projetos inovadores e com esse espírito de envolvimento e comprometimento que busca melhorar a realidade da educação aqui em Sergipe”, declarou.

 

As alunas que participarão do Technovation Girls contarão com mentores voluntários que irão auxiliá-las durante o processo de criação e entrega do aplicativo. A competição será dividida em duas categorias: Júnior (de 10 a 14 anos) e Sênior (de 15 a 18 anos). Serão selecionadas 12 equipes como finalistas, seis de cada categoria. Cada integrante das 12 equipes receberá, como premiação, uma bolsa educacional no valor de US$ 500, além do reconhecimento especial de “Tecnologia” e “Impacto Social”.