voltar
Pesquise sobre nossas escolas, notícias, portais e páginas.
(apague o campo para eliminar a pesquisa.)

Governo vai mobilizar escolas públicas para reforçar ações de prevenção à dengue

Por Lucas Silva
- 24/05/2019 11:32:00
239 acessos imprimir



De forma conjunta, as secretarias da Saúde (SES) e da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc) intensificarão nas próximas semanas o alerta contra a proliferação do mosquito transmissor da dengue com ações de orientação educativa que incluirão cuidados com o uso de fogos de artifício.

Com a proposta de intensificar junto às crianças e adolescentes, alunos e alunas das escolas públicas estaduais e municipais, as ações de combate e prevenção à proliferação do Aedes aegypt, mosquito transmissor da dengue, os secretários de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), Josué Modesto, e da Saúde, Valberto de Oliveira, reunidos com técnicos de ambas as pastas, discutiram nesta quinta-feira, 24, estratégias para ampliar a mobilização da sociedade em torno dessa agenda.

Segundo o secretário de Estado da Saúde, o número de notificações e de casos confirmados de dengue em Sergipe pôs o governo estadual em alerta e exige de toda sociedade a adoção de cuidados preventivos para conter o avanço da doença. Além disso, explicou Valberto, dada a proximidade dos festejos juninos, as pastas da Educação e da Saúde desenvolverão ações educativas em torno do cuidado que todos devem ter ao utilizar fogos de artifícios.

"Já estivemos reunidos com gestores da Saúde dos municípios com maior índice de proliferação do mosquito transmissor da dengue para articular ações conjuntas de prevenção, e vamos agora estender esse trabalho juntos às escolas das redes públicas estaduais e municipais, pois entendemos que estudantes e professores têm papéis importantes nesse trabalho de conscientização", afirmou o secretário Valberto de Oliveira.

De acordo com Josué Modesto, a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura já desenvolve ações de orientação educativa nas escolas estaduais, no âmbito do Programa Saúde na Escola, voltadas à prevenção da proliferação do mosquito transmissor da dengue. 
"Mas, para além das ações do PSE, vamos convocar todos os nossos diretores regionais de Educação e convidar os gestores municipais da Educação para que, conjuntamente, realizemos uma ampla mobilização nas escolas públicas estaduais e municipais, com ações de orientação sobre a prevenção ao Aedes aegypt e também para alertar às crianças e adolescentes sobre os riscos de queimaduras e de mutilações na utilização de fogos de artificio", destacou.

No último dia 17 de abril, o Governo de Sergipe lançou a campanha "Dengue Mata", uma ação voltada à conscientização da população sergipana sobre os perigos da doença causada pela picada do mosquito Aedes aegypti. A campanha está sendo veiculada em emissoras de rádio, televisão e redes sociais.

"Precisamos alertar a população porque a dengue mata. É uma doença perigosa e as pessoas precisam ter cuidado, não podem se acomodar, os cuidados têm que ser permanentes, principalmente no período de chuvas. Então o nosso foco é, através da mídia, levar as orientações e chamar a atenção da população para esse perigo, para fazer chegar até a população, essas dicas e informações importantes", ressaltou Mércia Feitosa, diretora de Vigilância em Saúde da SES.

Também por meio da Secretaria de Estado da Saúde, no último dia 14, o Governo de Sergipe anunciou o retorno da Brigada Itinerante, força-tarefa gerenciada que atuará na eliminação e no tratamento de possíveis criadouros do vetor nos municípios sergipanos. "É mais uma estratégia para fortalecimento das ações realizadas em regime de colaboração entre o Estado e os municípios sergipanos", ressalta Mércia Feitosa.